Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
16 de dezembro de 2019, 20h05

Polícia do Chile usou soda cáustica contra manifestantes

Estudo realizado por Colégio de Químicos mostra que os Carabineros misturaram o produto químico na água jogada nos manifestantes para dispersão; substância causa grandes danos à pele e pode levar à cegueira

Manifestação no Chile - Foto: Reprodução/Twitter

Uma análise química divulgada nesta segunda-feira (16) revelou que a polícia chilena tem jogado soda cáustica em manifestantes durante os protestos que sacodem o país há mais de um mês. O estudo ganhou grande repercussão no Chile e revoltou ainda mais a população. A hashtag #SODACAUSTICA ocupou o topo dos assuntos do momento no país.

A pedido do Movimento Saúde em Resistência (MSR), o Colégio de Químicos Farmacêuticos e Bioquímicos do Chile realizou um estudo com a água lançada pelos carabineros durante os protestos e constatou um pH bastante irritante (12 em uma escala de 0 a 14), capaz de causar grandes danos e levar à cegueira.

Essa água, que aparentemente tinha como objetivo apenas dispersar os manifestantes, pode ser uma das responsáveis pelo vertiginoso número de casos de jovens com lesões oculares nas últimas semanas. “A presença de soda cáustica mostra que os Carabineros mentem. Está na hora do governo explicar por que continua a violar os direitos humanos”, publicou o MSR.

Apesar da análise, os policias negaram o uso do químico. “Carabineros do Chile não usam soda cáustica, não existe forma de usar este produto no controle da ordem pública”, disse o diretor de Logística da instituição. Mais cedo, Piñera havia defendido a manutenção do diretor geral do órgão, Mário Rozas, apesar de reconhecer “excessos”.

A revelação gerou grande irritação nas redes sociais e faz a hashtag #SODACÁUSTICA ser um dos assuntos mais comentados do Twitter. Beatriz Sánchez, candidata à presidência em 2018 pela Frente Ampla, foi uma das que se manifestou: “No mesmo dia em que se confirma que Carabineros usam soda cáustica para atacar aqueles que se manifestam, Piñera reafirma Rozas. É a enésima prova de que Piñera não entende, não quer e não pode ajudar a resolver a crise”.

“Estamos diante de um inimigo muito poderoso e implacável, que não respeita nada nem ninguém”, publicou o movimento Revolução Democrática, integrante da Frente Ampla.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum