Youtuber que humilhou mendigo em Barcelona é proibido de usar rede social por cinco anos

Kenghua ridicularizou um morador de rua que vive no centro da capital catalã, oferecendo a ele um biscoito recheado com pasta de dente

A Justiça de Barcelona tomou uma curiosa decisão esta semana: condenou o youtuber Kenghua R, criador do canal ReSet, a uma pena de cinco anos sem poder utilizar a sua conta no YouTube.

O motivo da sentença foi um vídeo subido pelo ReSet no qual Kenghua ridiculariza um morador de rua que vive no centro da capital catalã, oferecendo a ele um biscoito recheado com pasta de dente. A juíza encarregada de analisar o caso considerou que a ação configurou um “ato claramente imoral e produziu um conteúdo vexatório para a vítima”, e afirmou que a ingestão de pasta de dente “causou dores físicas” ao morador de rua. Por sua parte, o youtuber justificou sua atitude dizendo que estava apenas realizando um desafio feito por seguidores do seu canal, e que “foi apenas uma brincadeira”.

O texto da decisão judicial fala em “proibição de acesso à cena do crime”, e aponta que esta seria a plataforma virtual, razão pela qual o condenado não poderá voltar ao Youtube ao menos até 2024. Também ordenou que o canal ReSet seja apagado da rede de computadores ao menos durante o período dessa restrição.

Além da proibição de acesso ao YouTube, Kenghua também recebeu pena de prisão de 15 meses, por delito contra a integridade moral – mas poderá cumprir esta parte em liberdade, por não possuir antecedentes -, e uma indenização de 20 mil euros, pelos danos morais causados à vítima.

Com informações do El País

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR