Fórumcast #20
17 de abril de 2016, 21h54

Bolsonaro dedica voto ao Coronel Brilhante Ustra, torturador da ditadura

Em votação, deputado faz referência ao golpe militar de 1964 e à memória do primeiro militar reconhecido pela Justiça como torturador

Em votação, deputado faz referência ao golpe militar de 1964 e à memória do primeiro militar reconhecido pela Justiça como torturador

Por Redação

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) dedicou seu voto a favor do impeachment da presidenta Dilma Rousseff ao torturador da ditadura militar, ex-chefe do DOI-Codi, Coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra. Morto em 2015, Ustra foi condenado pela Justiça por sequestro e tortura.

“Perderam em 64, perderam agora em 2016. Pela família, pela inocência das crianças em sala de aula, que o PT nunca teve, contra o comunismo, pela nossa liberdade, contra o Foro de São Paulo, pela memória do Coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, o pavor de Dilma Rousseff, pelo exército de Caxias, pelas Forças Armadas, pelo Brasil acima de tudo e por Deus acima de tudo, o meu voto é sim”, declarou.

O deputado, conhecido por suas posições homofóbicas e racistas, também parabenizou Eduardo Cunha, presidente da Câmara e réu no Supremo Tribunal Federal, acusado de exigir e receber ao menos US$ 5 milhões em propina de um contrato do estaleiro Samsung Heavy Industries com a Petrobras. “Um nome que entrará para a história pela forma como conduziu os trabalhos na Casa.”

Veja também:  Ao lado de Mão Santa, Bolsonaro inaugura escola do sistema S com seu nome no Piauí

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum