Fórumcast, o podcast da Fórum
05 de abril de 2017, 08h58

Caio Blat discorda de afastamento de José Mayer: “Fez uma brincadeira fora do tom”

“José Mayer é uma pessoa que a gente conhece. A declaração que ele deu hoje foi brilhante. A forma como ele se colocou foi perfeita. Ele não representa ameaça a ninguém. Fez uma brincadeira fora de tom, e na presença de outras pessoas. Não houve intimidação”, disse o ator sobre o colega.

“José Mayer é uma pessoa que a gente conhece. A declaração que ele deu hoje foi brilhante. A forma como ele se colocou foi perfeita. Ele não representa ameaça a ninguém. Fez uma brincadeira fora de tom, e na presença de outras pessoas. Não houve intimidação”, disse o ator sobre o colega.

Da Redação

Em entrevista no Centro Cultural Branco do Brasil do Rio, nesta terça (04), durante o lançamento da nova série da Globo “Os Dias Eram Assim” o ator Caio Blat saiu em defesa de José Mayer:

“José Mayer é uma pessoa que a gente conhece. A declaração que ele deu hoje foi brilhante. A forma como ele se colocou foi perfeita. Ele não representa ameaça a ninguém. Fez uma brincadeira fora de tom, e na presença de outras pessoas. Não houve intimidação”, falou ele.

O ator disse não estar sabendo da decisão da emissora de afastar José Mayer, mas não achou certa.

José Mayer é acusado confesso de assédio sexual pela figurinista pela Susllem Meneguzzi Tonani. Nesta terça-feira (04), o ator soltou uma nota pedindo desculpas.

Caio Blat ainda completou: “Existe essa tomada de consciência e a mobilização de hoje foi importante. Uma brincadeira que talvez as pessoas estejam acostumadas porque sempre foi assim. A campanha foi muito legal, todo mundo se engajando. Existe essa questão de outras gerações”, falou Caio.

Outros atores do elenco, como Susana Vieira, fugiram do assunto.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum