Defensor da cloroquina e contra o isolamento, médico Anthony Wong morre em SP

Usado como referência por bolsonaristas, o pediatra e toxicologista chegou a divulgar informações falsas para descredibilizar as vacinas contra a Covid-19; causa da morte teria sido parada cardiorrespiratória

Morreu nesta sexta-feira (15) em São Paulo o médico pediatra e toxicologista Anthony Wong. Ele estava internado desde dezembro no hospital Santa Maggiori.

Usado como referência por bolsonaristas, Wong era crítico das medidas de isolamento social e defendia o uso da hidroxicloroquina para tratar a Covid-19. Especialistas e a Organização Mundial da Saúde (OMS), no entanto, afirmam que a substância não tem eficácia comprovada contra a doença do coronavírus e que seu uso não é recomendado para este fim.

Além de encampar o discurso bolsonarista com relação à pandemia, Wong já chegou a divulgar informações falsas sobre o desenvolvimento de vacinas contra a Covid-19. Em outubro, ele havia afirmado que “nenhuma vacina contra o novo coronavírus passou pela fase pré-clínica de testes”, o que não era verdade. Em outra ocasião, em um vídeo que circula em grupos de WhatsApp, ele tirou do contexto o percentual de efeitos adversos da Coronavac, imunizante produzido pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac.

A causa da morte do médico teria sido parada cardiorrespiratória. Em nota, sua família informou que ele foi internado em dezembro com queda de pressão e mal estar, e que foi diagnosticado com uma úlcera gástrica e hemorragia digestiva.

Nascido na China e naturalizado brasileiro após se formar pela Universidade de São Paulo (USP), Wong estava com 73 anos.

O Hospital das Clínicas divulgou nota de pesar pela morte do médico. Confira abaixo.

“O Hospital das Clínicas da FMUSP lamenta profundamente o falecimento do Prof. Dr. Anthony Wong nesta sexta-feira (15). Médico pediatra, formado em 1972 pela Faculdade de Medicina da USP, atuava desde 1976 no Instituto da Criança e do Adolescente, onde era médico-chefe do Centro de Assistência Toxicológica (CEATOX). O HCFMUSP presta solidariedade aos familiares e amigos”

Publicidade
Avatar de Ivan Longo

Ivan Longo

Jornalista, editor de Política, desde 2014 na revista Fórum. Formado pela Faculdade Cásper Líbero (SP). Twitter @ivanlongo_

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR