Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
18 de janeiro de 2020, 17h29

Democracia: General Heleno celebra demissão de Roberto Alvim

Ministro do Gabinete de Segurança Institucional publicou mensagem na qual diz que qualificou como “fantástica, e até emocionante” a reação que houve no país “ao infeliz resgate de pensamentos nazistas”.

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Neste sábado (18), o general da reserva Augusto Heleno, que também é ministro do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, publicou em suas redes sociais uma mensagem na qual comemorou a forma como o Brasil se portou no recente caso do vídeo com citação nazista de Roberto Alvim.

“Fantástica, e até emocionante, a reação de intelectuais, artistas, historiadores, professores, estudantes, militares e da nação como um todo, ao infeliz resgate de pensamentos nazistas. Mostra uma face da convicção e do apego de nosso povo à democracia e às liberdades individuais”, declarou o ministro, em sua conta de Twitter.

Na noite de quinta-feira (16), Alvim divulgou um vídeo para explicar o que seria a “arte brasileira nos próximos anos”, ou seja, a partir do projeto do governo Bolsonaro para ela. Sua proposta causou polêmica, sobretudo porque usou conceitos idênticos ao do ministro da Propaganda da Alemanha nazista, Joseph Goebbels.

No trecho mais polêmico de sua fala, Alvim diz que “a arte brasileira da próxima década será heroica e será nacional. Será dotada de grande capacidade de envolvimento emocional e será igualmente imperativa, posto que profundamente vinculada às aspirações urgentes do nosso povo, ou então não será nada”.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum