Fórumcast, o podcast da Fórum
12 de novembro de 2014, 14h35

Eleonora Menicucci deve deixar Secretaria de Mulheres para assumir pasta de Direitos Humanos

A advogada Rita Sipahi é a mais indicada para comandar a SPM. Assim como Eleonora, ela é ex-militante e dividiu a mesma cela com a presidenta Dilma durante a luta contra a ditadura militar.

A advogada Rita Sipahi é a mais indicada para comandar a SPM. Assim como Eleonora, ela é ex-militante e dividiu a mesma cela com a presidenta Dilma durante a luta contra a ditadura militar

Por Redação

O nome da advogada Rita Sipahi está sendo apontado como o mais provável para comandar a Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), em substituição a Eleonora Menicucci, que deve virar ministra da Secretaria de Direitos Humanos. Tanto Rita quanto Eleonora dividiram a mesma cela com a presidenta Dilma Rousseff, quando ela foi presa na luta contra a ditadura.

Rita Sipahi é atualmente conselheira na Comissão de Anistia, ligada ao Ministério da Justiça. Ela atuou no Partido Revolucionário dos Trabalhadores (PTR), organização que ajudou a fundar, e na Ação Popular (AP), tendo sido presa e torturada pelos militares nos anos 1970.

Já Eleonora é socióloga, feminista e filiada ao Partido dos Trabalhadores desde a sua criação. Entre as ações realizadas durante sua gestão na SPM, destaca-se o combate à violência contra a mulher, além da prioridade dada ao público feminino nos programas sociais do governo federal.

Foto de capa: Palácio do Planalto


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum