Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
08 de fevereiro de 2012, 19h13

Em abril acontece mobilizações em defesa do piso

Esta será uma semana de atividades importantes para todos os profissionais de Educação. Por isso, a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) e suas afiliadas nos estados convocam a categoria a participar de todas as mobilizações organizadas em defesa do Piso Salarial do Magistério. Na próxima quinta-feira, 02, às 14h, em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF) será realizado um grande ato público para exigir a publicação do acórdão referente à liminar concedida à Ação Direta de Inconstitucionalidade nº 4167, o julgamento do mérito da ação movida pelos governadores considerados “Inimigos da Educação” contra a Lei 11.738/08 e o cumprimento da Lei do Piso.

No mesmo dia, às 9 horas, no Plenário 10 da Câmara, a Comissão de Educação e Cultura realiza audiência pública para analisar a implementação do piso no Brasil. Representantes da CNTE, dos sindicatos filiados e parlamentares federais e estaduais que compõem a Frente que defende o piso já confirmaram a participação, sendo importante a presença de um grande número de pessoas à reunião. Às 10 horas, também em Brasília, o Conselho Nacional de Educação se reúne para votar as diretrizes nacionais de carreira – outra bandeira de luta da CNTE. E mais uma vez precisamos do apoio da categoria para acompanhar a votação.

As ações em prol do piso prosseguem com a audiência do presidente do Supremo, ministro Gilmar Mendes, e com o ministro Menezes Direito (encarregado em produzir o acórdão da liminar à ADIN 4167), para cobrar o imediato julgamento do mérito da Ação contra a Lei do Piso – sem plena confirmação até agora.

O piso também será o centro das discussões da 10ª Semana Nacional de Educação que a CNTE e suas afiliadas promovem entre os dias 20 e 24 deste mês para debater assuntos importantes da política educacional. Durante as conferências escolares a comunidade escolar e a sociedade em geral se unem para apresentar propostas visando a construção de novas relações sociais na escola e de políticas públicas que garantam a plena cidadania.

Também estarão na pauta outros temas como a Crise Econômica Mundial, o Projeto Político Pedagógico, Gestão Democrática, Currículo, Carreira, Formação e Valorização dos Profissionais da Educação, Financiamento e Fundeb e Direito à Educação Pública.

Desde já, educadores, gestores públicos, Ongs, movimentos sociais, pais e alunos estão convidados a contribuir com idéias para elaboração do Projeto Político Pedagógico, que vai aprofundar o conceito de democracia escolar. Todas as propostas apresentadas serão apreciadas durante a Conferência Nacional da Educação Básica, a ser promovida pelo MEC em abril do ano que vem, e nos processos de elaboração do novo Plano Nacional de Educação.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags