Segunda Tela

#Fórumcast, o podcast da Fórum
23 de fevereiro de 2019, 21h35

Especialista diz na GloboNews que é injusto empregada se aposentar antes da patroa

"As nossas regras são tão injustas que empregada doméstica se aposenta 10 anos antes da patroa e há gente que defende que isso é razoável", disse economista Paulo Tafner. Comentário causou indignação de lideranças nas redes sociais

O economista Paulo Tafner - Reprodução/LinkedIn

O economista Paulo Tafner, do Instituto Millenium, causou indignação após dizer, em uma entrevista para a GloboNews, que a reforma da Previdência corrige a “injustiça” de a empregada se aposentar antes da patroa.

“Como eu sempre costumo dizer, as nossas regras são tão injustas que empregada doméstica se aposenta 10 anos antes da patroa e há gente que defende que isso é razoável”, disse ele.

O deputado Paulo Pimenta (RS), líder do PT na Câmara dos Deputados, disse que Tafner é um “legítimo representante da Casa Grande”. “Paulo Tafner, do Instituto Millenium, diz que a empregada doméstica no Brasil ‘se aposenta 10 anos antes da patroa’ … É por coisas como essa que vamos derrotar esse confisco da Previdência que Bolsonaro quer fazer!”, escreveu ele no Twitter.

Liderança do movimento por moradia e candidato pelo PSOL nas últimas eleições presidenciais, Guilherme Boulos também se manifestou. “Sincericídio dos apoiadores da reforma da Previdência: ela vai corrigir a ‘injustiça’ da empregada doméstica se aposentar antes da patroa. O cinismo da Casa Grande não tem limite”, tuitou.

A blogueira feminista Lola Aronovitch também se indignou. “O cara do Instituto Millenium teve a cara de pau de defender a reforma da previdência na Globo News dizendo que  uma empregada doméstica no Brasil se aposenta 10 anos antes da patroa”, postou.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum