sábado, 24 out 2020
Publicidade

Governo Bolsonaro tem pelo menos 1.423 servidores com coronavírus

Número é maior porque funcionários não são obrigados a declarar a doença que causou afastamento e contagem não incluiu AGU e Banco do Brasil

O governo Jair Bolsonaro tem pelo menos 1.423 servidores contaminados com coronavírus. O Ministério da Educação lidera em casos de covid-19, com 563, seguido pelo do Ministério da Justiça (222) e do Ministério da Economia (184).

Os dados constam de relatório do Ministério da Economia, que centraliza as notificações de infecções no governo federal, e foram publicados por Guilherme Amado, na revista Época, via Lei de Acesso à Informação.

A contagem é da semana passada. O recorde é de 24 a 28 de agosto, quando 1.929 servidores estavam contaminados pelo coronavírus.

No entanto, o número de funcionários na administração federal com covid-19 é maior. O Ministério da Economia não contabiliza casos da Advocacia-Geral da União e do Banco Central. Os servidores públicos federais também não são obrigados a informar a doença que causou o afastamento do trabalho.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.