Previdência: governo Bolsonaro mente quando diz que sistema de repartição é deficitário

Em videocoluna, Sergio Pardal Freudenthal diz: “A negociação que está sendo proposta nas regras de transição é estelionato eleitoral”

O que será essa tal capitalização que eles estão ameaçando? Antes de qualquer coisa, não se pode esquecer que o ponto principal dessa reforma é tirar as regras previdenciárias de dentro da Constituição. A negociação que está sendo proposta nas regras de transição é estelionato eleitoral. Eles estão dizendo que o sistema de repartição não está funcionando bem, existe um rombo, é deficitário: Mentira, não é deficitário coisa nenhuma. Vem esse desgoverno que aparece agora uma ideia de capitalização.

Assista à videocoluna:

Avatar de Sergio Pardal Freudenthal

Sergio Pardal Freudenthal

Advogado especializado em Direito Previdenciário e Infortunístico. Graduado pela Faculdade do Largo de São Francisco, da Universidade de São Paulo (USP), É mestre pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP), Leciona Previdência Social e é autor de diversos livros.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR