O que o brasileiro pensa?
20 de janeiro de 2020, 23h59

Moro assume que viu Democracia em Vertigem sem citar o nome do documentário

"Tive a curiosidade de ver no final de semana", disse o ministro em entrevista ao Roda Viva

Sergio Moro (Reprodução/TV Cultura )

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, revelou nesta segunda-feira (20), em entrevista ao Roda Viva, da TV Cultura, que assistiu ao documentário Democracia em Vertigem, obra da diretora Petra Costa que foi indicada ao Oscar e que despertou a fúria de bolsonaristas.

A revelação foi feita quando o ex-juiz respondia a uma pergunta sobre as mensagens reveladas na série Vaza Jato e as condenações da Lava Jato. “Não teve ninguém que foi condenado injustamente. O que teve foi um esquema criminoso, que afetou a Petrobras, que envolvia pagamento de suborno em todo contrato da Petrobras, e isso alimentava diretores, gerentes e partidos políticos. E não foi só para financiamento ilegal como vi em um documentário que foi divulgado, tive a curiosidade de ver no final de semana. E fala que foi financiamento. Não. Foi enriquecimento ilícito. Quase quebraram a empresa”, declarou.

Antes, em outra pergunta, Moro já havia dado outro sinal de que viu o filme em questão. Uma das entrevistadoras, no enunciado de sua pergunta, disse que ouviu de um motorista de Uber que, se Moro fosse presidente, sofreria um impeachment. O ex-juiz, então, interrompeu: “Vou chamar ele para fazer um documentário”.

O documentário de Petra Costa trata justamente dos bastidores do golpe que tirou a ex-presidenta Dilma Rousseff do poder através de um impeachment fraudulento.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum