Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
27 de abril de 2013, 23h34

Neonazistas são presos ao atacar nordestino no Rio

A delegada responsável pelo caso disse que os bandidos tinham suásticas tatuadas pelo corpo

A delegada responsável pelo caso disse que os bandidos tinham suásticas tatuadas pelo corpo

Leia também: O mapa do neonazismo no Brasil

Os sete neonazistas presos estavam com tacos de beisebol para atacar um nordestino em Niterói

Sete neonazistas foram presos por guardas municipais ao agredirem um nordestino no Centro de Niterói, na Região Metropolitana do Rio, na manhã de hoje, sábado (27). Os neonazistas foram presos porque agentes da guarda municipal foram acionados por pessoas que viram o grupo indo em direção à vítima com facas e um taco de beisebol.

O crime ocorreu na Praça Araribóia, nas proximidades da estação das barcas, uma das regiões mais movimentadas de Niterói. Uma multidão se formou em volta dos jovens para impedir que a agressão continuasse.

A delegada adjunta da 77ª DP, Helen Sardenberg, que registrou o caso, informou que os jovens vestiam camisas com inscrições de um grupo neonazista e tinham tatuagens com o símbolo da suástica. A onda neonazista tem aumentado no Brasil nos últimos anos e as principais vítimas têm sido nordestinos e gays. (Da redação)


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum