Blog do George Marques

direto do Congresso Nacional

Fórumcast, o podcast da Fórum
14 de agosto de 2019, 16h47

Parlamentares querem Marcos Pontes na Câmara para explicar demissão de diretor do INPE

Deputados querem também mais informações sobre o desmonte da política de investimento na ciência e tecnologia e sobre a viagem custeada com recursos públicos aos Estados Unidos, junto com sua assessora

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ex-astronauta e atual ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, terá muito o que explicar à Câmara dos Deputados. Apenas nesta quarta-feira (14), foram aprovados ao menos três requerimentos solicitando a presença do chefe da pasta na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI) na Casa.

Além de esclarecer a demissão do ex-diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), Ricardo Galvão, deputados que compõem o colegiado querem mais informações sobre o possível desmonte da política de investimento na ciência e tecnologia e sobre a viagem custeada com recursos públicos aos Estados Unidos, junto com sua assessora.

Os requerimentos, protocolados por deputados do DEM, PT e PSoL, foram subscritos por parlamentares de outras siglas. Na audiência pública que discutirá os cortes orçamentários definidos pelo Governo Federal para a área da educação, deputados também querem contar com a presença do ministro da Educação, Abraham Weintraub.

É que, atualmente, já se encontra na Comissão, à espera do parecer do relator, o Projeto de Lei nº 2.926/2019, que veda o corte e a interrupção de bolsas de pesquisa, já em andamento na Casa, e que pretende “proteger as bolsas de pós-graduação e bolsas científicas de cortes que podem ser feitos ao sabor da conjuntura”, como explicou o autor da proposta, deputado federal Márcio Jerry (PCdoB-MA).


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum