Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
27 de setembro de 2016, 17h28

TJ anula julgamento dos PM’s envolvidos no Massacre do Carandiru

O desembargador Ivan Sartori, relator do caso, disse que o episódio foi um ato de “legítima defesa” e que os 74 policiais militares condenados pelas mortes de 111 pessoas em 1992 foram absolvidos

Por Redação

A 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça (TJ) de São Paulo anulou nesta terça-feira (27) os julgamentos que condenaram 74 policiais militares pelo Massacre do Carandiru, quando 111 pessoas foram mortas dentro do presídio, em 1992.

A defesa dos PM’s tinha entrado com um pedido de anulação dos julgamentos e pediu a absolvição dos réus. O desembargador Ivan Sartori, relator do caso, disse que o episódio foi um ato de “legítima defesa” e que os réus deveriam ser absolvidos.

“Não houve massacre, houve legítima defesa”, afirmou.

Com três dos quatro votos possíveis no colegiado, o processo foi anulado e os julgamentos devem ser refeitos.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum