Alexandre de Moraes pede à PF informações sobre investigação contra Flávio Bolsonaro

O ministro assumiu o Caso Bolsonaro x Moro no STF após a aposentadoria de Celso de Mello

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), pediu nesta terça-feira (27) informações à Polícia Federal sobre as investigações contra o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) por supostos crimes eleitorais. Moraes é novo o relator do caso que aponta tentativa de intervenção do presidente Jair Bolsonaro, pai do senador, na PF.

“Solicitem-se à autoridade policial designada nestes autos, informações sobre o andamento das investigações apontadas no despacho de polícia judiciária nº 458/2020 (fls. 889). Cumpra-se”, pede Moraes em despacho.

O despacho citado foi feito pela Christiane Correa Machado, delegada da PF responsável pela investigação sobre a suposta interferência. No documento, ela lista procedimentos abertos que pudessem interessar ao ex-capitão, tendo em vista que suposta motivação para a tentativa de intervenção do mandatário na corporação seria a proteção de seus filhos e aliados.

Entre eles estão a investigação contra Flávio (Inquérito Policial nº 60/2018-3) e uma suposta inclusão do deputado federal Hélio Lopes (PSL-RJ) em investigação criminal.

Moraes assumiu a relatoria do caso após a aposentadoria do ex-ministro Celso de Mello. O inquérito foi aberto após o ex-ministro Sérgio Moro dizer publicamente que Bolsonaro tentou intervir na PF.

Com informações do O Globo e do SBT News

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.