#Fórumcast, o podcast da Fórum
07 de outubro de 2019, 18h32

Após perder na Justiça, Joice Hasselmann apaga posts ofensivos contra Dimenstein

O jornalista, no entanto, não está satisfeito: pelo fato de Joice não ter se retratado, Dimenstein sinalizou que abrirá um novo processo contra a deputada bolsonarista

Reprodução/YouTube

O jornalista Gilberto Dimenstein, fundador do site Catraca Livre, informou nesta segunda-feira (7) que a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) cumpriu uma decisão judicial e apagou postagens ofensivas contra ele. Dimenstein havia processado a deputada bolsonarista e a Justiça do Distrito Federal, na semana passada, deu ganho de causa ao jornalista.

De acordo com a sentença, Hasselmann teria que apagar as postagens ofensivas sob pena de pagar uma multa de R$100 mil. “Das publicações destacadas no recurso, evidencia-se que as expressões ‘esquizofrênico’, ‘mau caráter’, ‘canalhas’, ‘verme’, ‘velho nojento’, ‘rato’ e ‘ex-puxa saco’ violam os direitos de personalidade do agravante-réu-reconvinte, visto que são inequivocamente ofensivas à sua honra e imagem, além de denegrirem a sua reputação e credibilidade como jornalista. Está claro, portanto, que o intuito das postagens acima foi meramente ofensivo, tratando-se de evidente abuso no exercício dos direitos de crítica, opinião e manifestação do pensamento”, diz trecho da decisão publicado pelo Catraca Livre.

Dimenstein, no entanto, não está satisfeito. O jornalista chamou a atenção para o fato de que, apesar de Hasselmann ter apagado as postagens, ela não se retratou por ter chamado o editor do Catraca Livre de “comunista”. “Não vou parar. Ela me acusou, sem provas, de ser comunista – uma ofensa para um defensor de direitos humanos. Já que não tem a honestidade de se retratar, vai se acertar na Justiça”, escreveu em sua conta do Twitter.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum