domingo, 20 set 2020
Publicidade

Base do Governo esvazia Comissão para blindar Guedes

Pela segunda semana consecutiva, na última quarta-feira (4) parlamentares da Base do Governo obstruíram a sessão para impedir que fosse votado requerimentos na Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara dos Deputados. Com o pedido de convocação do ministro da Economia, Paulo Guedes, pendente, parlamentares tem usado a tática de fuga para travar a discussão de pautas que coloquem em xeque a falta de soluções para o investimento em pesquisas no país.

Mesmo sem abrir a sessão, o presidente da Comissão, deputado federal Félix Mendonça (PDT-BA) destacou a ausência de representantes do Ministério da Economia na última audiência que debateu a crise na área e o risco de ruptura do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

“Os mais de 80 mil pesquisadores que estão na iminência de não receber os proventos deste mês, esperavam que o ministério da Economia nos apresentasse uma solução”, comentou. “Vamos manter essa pauta enquanto for necessária. A pauta não será mudada por interferência do Governo, afirmou.

Autor de dois requerimentos que seriam apreciados na Comissão, o vice-líder do PCdoB, Márcio Jerry (MA), criticou o desmonte em curso no país. “Absurdo total de um governo inimigo do conhecimento, da ciência, educação e tecnologia”, disse.

Jerry assinou um pedido de convocação de Guedes para explicar os cortes orçamentários e para realização de uma audiência pública que debateria a privatização do Serpro e da Dataprev, que não puderam ser votados.

Para o líder do PDT, André Figueiredo (CE), a ausência de representantes da base governista aponta o descaso do Governo com o setor.

“Segunda vez que a bancada se ausenta, não dá quórum, compromete a realização dessa sessão de Ciência e Tecnologia, mostrando que o nosso país continua sem rumo e a ciência e tecnologia é mais uma vítima desse desdém que o Ministério da Economia trata os investimentos no nosso país.

Preocupação corroborada pelo companheiro de partido, Gustavo Fruet (PDT-PR). “É raríssimo o que está acontecendo”, disse.

George Marques
George Marques
Jornalista e Relações Públicas pela Faculdade JK de Brasília. É também especialista em comunicação pública e comunicação política no legislativo, tendo já sido indicado ao Prêmio Comunique-se de Jornalismo Político. Já trabalhou na cobertura de política para o site The Intercept Brasil e Metrópoles. É colunista da Fórum.