Bolsonaro dá declaração golpista e diz que Forças Armadas decidem sobre “democracia ou ditadura”

"Não tem ditadura onde as Forças Armadas não apoiam", disparou o presidente

O presidente Jair Bolsonaro voltou a dar uma declaração polêmica nesta segunda-feira (18) em conversa com seus apoiadores no Palácio do Alvorada. O mandatário colocou a democracia sob tutela das Forças Armadas.

“Por que sucatearam as Forças Armadas ao longo de 20 anos? Porque nós, militares, somos o último obstáculo para o socialismo. Quem decide se um povo vai viver na democracia ou na ditadura são as suas Forças Armadas. Não tem ditadura onde as Forças Armadas não apoiam”, declarou o ex-capitão, que defende o golpe militar de 1964.

O chefe do Executivo ainda aproveitou para atacar o ex-ministro Fernando Haddad (PT), que ficou em segundo lugar nas eleições presidenciais de 2018.

“No Brasil, temos liberdade ainda. Se nós não reconhecermos o valor destes homens e mulheres que estão lá, tudo pode mudar. Imagine o Haddad no meu lugar. Como estariam as Forças Armadas com o Haddad em meu lugar?”, afirmou.

Haddad usou as redes sociais para responder o presidente. “As Forças Armadas estariam prestigiadas no seu devido lugar”, informou.

Com informações da Folha de S. Paulo

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Lucas Rocha é formado em jornalismo pela Escola de Comunicação da UFRJ e cursa mestrado em Políticas Públicas na FLACSO Brasil. Carioca, apaixonado por carnaval e pela América Latina, é repórter da sucursal do Rio de Janeiro da Revista Fórum e apresentador do programa Fórum Global

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR