Bolsonaro divulga vídeo de Celso Russomanno para se defender de tabelamento do preço do arroz

Presidente entra de vez na disputa à Prefeitura de São Paulo ao escalar Celso Russomano como porta-voz do governo nos debates sobre a alta de preços dos alimentos

Jair Bolsonaro entrou de vez na disputa eleitoral para prefeitura de São Paulo e alçou o pré-candidato do Republicanos, Celso Russomanno, como seu porta-voz para defender da acusação do líder do Movimento Brasil Livre, Kim Kataguiri, que comparou o presidente a José Sarney ao “tabelar” o preço do arroz.

“Uma aula de humildade e conhecimento”, escreveu Bolsonaro junto ao vídeo de 17 minutos, em que Celso Russomano o defende e explica o “código de defesa do consumidor” a Kataguiri, que citou o nome do pré-candidato bolsonarista na declaração.

“Kim, eu o respeito muito. E sempre te tratei com todo o respeito e educação. Mas, creio que você está mal informado. E creio também que seja ignorâcia, que você não conheça os procedimentos do varejo”, diz Russomanno, atrelando a alta do arroz a “práticas nem um pouco republicanas no mercado de consumo e no varejo.

“Mas eu não tenho problema nenhum para lhe dar uma aula agora sobre o que o Ministério da Justiça está fazendo”, segue Russomanno, em tom ameno.

Com a publicação, Bolsonaro define o apoio a Russomano na disputa à Prefeitura de São Paulo, preterindo o cortejo de Márcio França, do PSB, que postulava ser o candidato do presidente na capital paulista.

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.