Entrevista exclusiva com Lula
14 de novembro de 2019, 07h50

Carluxo apagou redes sociais por orientação de advogados antes de depor à CPI das Fake News

Advogados acreditam que "power point" que está sendo preparado por Joice Hasselmann para ser apresentado na comissão deve expor ainda mais a ligação de Carlos com a milícia virtual bolsonarista

Os primos Léo Índio e Carlos Bolsonaro - Foto: Reprodução/Instagram

Mais do que a irritação com a repercussão de suas publicações, o vereador licenciado Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) seguiu orientação dos advogados para apagar seus perfis em redes sociais antes do depoimento que deve prestar à Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) das Fake News no Congresso Nacional.

Segundo a coluna de Guilherme Amado nesta quinta-feira (14) no site da revista Época, Carlos atendeu a um conselho dos advogados, que acreditam que o “power point” preparado por Joice Hasselmann (PSL-SP) que será apresentado à CPI deve expor ainda mais a ligação dele com a milícia virtual bolsonarista. O depoimento do filho de Jair Bolsonaro deve acontecer nas próximas sessões.

Carluxo ainda estaria irritado pelas sucessivas reprimendas feitas pelo pai, que já havia pedido mais de uma vez que ele moderasse e até se retratasse por publicações nas redes.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum