Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
18 de janeiro de 2020, 12h13

Corrupção na Secom: Ministros aconselham Wajngarten a não fazer mais contratos com empresas que recebem do governo

Outro conselho ouvido por Wajngarten foi afastar Fábio Liberman, que é irmão do seu chefe de gabinete no Planalto, da administração da FW Comunicação, que pertence a ele e tem como clientes empresas de comunicação que recebem verba de publicidade do governo Bolsonaro

Fábio Wajngarten (Foto: Alan Santos/PR)

Na tentativa de blindar o chefe da Secretaria da Comunicação da Presidência da República, Fábio Wajngarten, envolvido em um esquema de corrução na distribuição de verbas publicitárias, ministros do governo Jair Bolsonaro teria aconselhado secretário a não mais assinar contratos públicos com grupos de mídia que são clientes da empresa dele, a FW Comunicação.

Segundo nota da coluna Painel, da Folha de S.Paulo, o conselho teria sido dado reunião na última quarta (15), entre o secretário e auxiliares de Bolsonaro.

Outro conselho ouvido por Wajngarten foi afastar Fábio Liberman, que é irmão do seu chefe de gabinete no Planalto, da administração da FW.

Wajngarten, no entanto, resiste em afastar Liberman da empresa. No governo, muitos consideram que, se não foi ilegal o que ele fez, é pelo menos “imoral” e “pegou mal”: administrar a publicidade oficial e, ao mesmo tempo, gerir uma empresa que presta serviços a emissoras e agências.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum