Fórumcast, o podcast da Fórum
04 de setembro de 2019, 22h07

Deputados abandonam votação sobre a base de Alcântara para assistir semifinal da Copa do Brasil

Jogo entre Internacional e Cruzeiro desperta mais interesse dos parlamentares do que a exploração da base espacial no Maranhão

Reprodução

Internacional e Cruzeiro definem, em Porto Alegre, nesta quarta-feira (4), quem irá disputar a final da Copa do Brasil contra o Athlético Paranaense. Enquanto isso, em Brasília, os deputados deveriam estar votando o requerimento que pede urgência sobre a exploração da Base Espacial de Alcântara (MA). Porém, a partida de futebol retirou boa parte dos parlamentares do Plenário para uma sala onde veem o jogo pela televisão.

A resolução dos deputados terá um forte impacto na vida de quilombolas e da população maranhense. O projeto prevê exploração comercial e tecnológica da base espacial. O projeto foi aprovado por 21 votos a 6, no fim de agosto, pela Comissão de Relações Exteriores da Câmara, que é presidida pelo deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente da República e candidato a embaixador brasileiro nos Estados Unidos.

O PSOL entrou com um pedido no Supremo Tribunal Federal (STF) tentando barrar a votação. A legenda alegou que medida fere a Constituição Federal em seu primeiro princípio fundamental que é o da soberania nacional.

Confira, abaixo, o registro feito pelo repórter da Fórum, George Marques, que mostra os deputados vendo o jogo enquanto deveriam estar no plenário.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum