Fórumcast, o podcast da Fórum
13 de julho de 2019, 09h57

Eduardo Bolsonaro e esposa já possuem passaporte diplomático, diz colunista

Heloísa Wolf Bolsonaro ganhou um passaporte diplomático da Câmara na última terça-feira, dois dias antes do presidente Jair Bolsonaro admitir a indicação do filho para a embaixada nos Estados Unidos

Foto: Reprodução

A esposa de Eduardo Bolsonaro, Heloísa Wolf Bolsonaro, ganhou um passaporte diplomático da Câmara na última terça-feira (09), dois dias antes do presidente Jair Bolsonaro (PSL-RJ) admitir a indicação do filho para a embaixada nos Estados Unidos.

A informação é do colunista Guilherme Amado, da revista Época. O jornalista também afirmou que o passaporte diplomático de Eduardo já estava pronto há tempos: o documento foi emitido em 6 de fevereiro deste ano.

A possibilidade do deputado federal se tornar embaixador foi levantada quando o presidente Jair Bolsonaro afirmou na última quinta-feira (11), em uma coletiva de imprensa, que estava cogitando nomear o filho.

Em seguida, Eduardo afirmou em coletiva na Câmara que ele está disposto a renunciar ao mandato se o pai o nomear para a embaixada em Washington: “Se o presidente Jair Bolsonaro me confiar essa missão, eu estaria disposto a renunciar ao mandato”.

Para ser um embaixador, é necessário seguir os critérios estabelecidos pela Lei 11.440, de 29 de dezembro de 2006, que diz que o escolhido deve estar entre os ministros da primeira classe ou da segunda classe, segundo a estrutura do Itamaraty.

No entanto, em um parágrafo único do artigo 41, a lei também autoriza, excepcionalmente, alguém que não fez carreira no Itamaraty se tornar embaixador, desde que seja brasileiro nato, maior de 35 anos e de “reconhecido mérito e com relevantes serviços prestados ao país”. Eduardo Bolsonaro completou 35 anos na quarta-feira, dia 10 de julho. Quando perguntado se Jair Bolsonaro estava esperando que o filho fizesse aniversário para a indicação, Eduardo respondeu que era apenas uma “coincidência”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum