Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
01 de setembro de 2019, 22h16

Eduardo Bolsonaro toma uma invertida homérica de Rodrigo Constantino no Twitter

O filho do presidente perguntou ao ex-colunista da Veja se ele era filho do sócio do Marka e ouviu o que não queria

Reprodução/Twitter/JovemPan

Após o comentarista político Rodrigo Constantino, da Rádio Jovem Pan, sugerir que o presidente Jair Bolsonaro pare de atuar em benefício de seus filhos, o deputado federal Eduardo Bolsonaro foi tirar satisfações e acabou recebendo uma dura resposta, em que foi questionado sobre o esquema de rachadinha promovido pelo ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (PSL), Fabrício Queiroz.

Ao ser questionado por Eduardo sobre a atuação no Banco Marka, de Salvatore Cacciola, o colunista disparou: “Eu respondo, Dudu: não, não era. E eu nunca trabalhei lá. Agora surgiu uma dúvida aqui, de coração: seu irmão ou algum parente era sócio na rachadinha do Queiroz, amigão da família há décadas?”.

A troca de farpas começou após Constantino fazer uma publicação em que dizia que passaria a chamar Jair Bolsonaro de “mito” caso ele retirasse os filhos de cena. “Se Bolso chamasse os filhos: 01, vc se meteu com Queiroz e é problema teu, vou vetar integral e que se dane; 02, a partir de hj vc está proibido de escrever nas redes sociais, só videogame; 03, cancelado o presente de aniversário, esquece embaixada. Aí eu chamava de MITO!”, publicou.

Constantino é um grande defensor do governo Bolsonaro e já entrou em rota de colisão com a colunista Vera Magalhães por diversas vezes no programa 3 em 1, da Rádio Jovem Pan.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum