Eleições 2022: Alckmin e Haddad lideram corrida pelo governo de SP, diz Datafolha

Diferença entre ambos é de menos de 10 pontos; Boulos (PSOL) figura em terceiro e quarto lugar, a depender do cenário

Pesquisa Datafolha sobre a disputa pelo governo de São Paulo em 2022 aponta que o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) e o ex-prefeito da capital, Fernando Haddad (PT), são os favoritos, atualmente, para vencer o pleito.

Segundo o levantamento, Alckmin, que está de saída do PSDB, tem 26% das intenções de voto, enquanto Haddad vem logo atrás com 17%.

O terceiro colocado é Márcio França (PSB), que disputou o segundo turno na corrida pelo governo de São Paulo contra João Doria (PSDB) em 2018. Ele marca 15% das intenções de voto. Guilherme Boulos (PSOL), segundo colocado na eleição para a prefeitura da capital paulista em 2020, vem na sequência com 11%.

Fecham a lista Tarcísio de Freitas (sem partido), que marca 4%; Arthur do Val (Patriota), com 4%; Abraham Weintraub (sem partido), que soma também 4%; e Vinicius Poit (Novo), que tem 1%. Brancos e nulos somam 17%, enquanto outros 3% não sabem ou não responderam.

Outro cenário

Como o futuro de Alckmin no PSDB ainda é incerto, o Datafolha também simulou um cenário sem o ex-governador, mas com o atual vice de Doria, Rodrigo Garcia, como o representante dos tucanos ao Palácio dos Bandeirantes.

Nesta simulação, Fernando Haddad aparece em primeiro lugar, com 23% das intenções de voto. França vem logo atrás com 19%, enquanto Boulos aparece em terceiro com 13% de apoio do eleitorado.

Tarcísio de Freitas é o quarto, com índice de 6%, e Garcia aparece apenas na quinta posição, com 5% das intenções de voto.

Fecham a lista Arthur do Val (5%), Abraham Weintraub (2%) e Vinicius Poit (1%).

Publicidade

O levantamento foi realizado a partir de 2.034 entrevistas feitas em todo o estado entre os dias 13 e 15 de setembro. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Avatar de Ivan Longo

Ivan Longo

Jornalista, editor de Política, desde 2014 na revista Fórum. Formado pela Faculdade Cásper Líbero (SP). Twitter @ivanlongo_

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR