Fórumcast, o podcast da Fórum
17 de março de 2019, 11h41

FHC compara clã Bolsonaro com “família imperial de origem plebeia”

Ex-presidente criticou a forma como Bolsonaro e seus filhos atuam nas redes sociais e chamou a atenção para o risco que há quando uma família tem tanta importância em um governo; tucano ainda avaliou que o capitão da reserva "está indo mal por conta própria"

Foto: Tânia Rego/Agência Brasil

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, em entrevista ao Estadão publicada neste domingo (17), não poupou críticas ao governo de Jair Bolsonaro e, principalmente, à maneira como o capitão da reserva e seus filhos vêm atuando nas redes sociais.

De acordo com FHC, “o Twitter leva mais ao impulso do que a uma escolha racional, e democracia necessita de algo um pouco racional”.

Sobre o peso que os filhos de Bolsonaro têm no governo, o tucano disparou: “Nós estamos assistindo ao renascimento de uma família imperial de origem plebeia. É curioso isso. Geralmente, na República, as famílias não têm esse peso. Quando têm, é complicado, porque a instituição política não é a instituição familiar, são coisas diferentes”.

“Quando você tem a instituição familiar assumindo parcelas do jogo de poder, você leva o sentimento demasiado longe. O jogo de poder requer um equilíbrio estratégico, de objetivos e meios para se chegar lá”, completou.

Na mesma entrevista, o ex-presidente revelou ainda que torce para que Bolsonaro faça um bom governo, o que ainda, de acordo com o tucano, não tem acontecido. “Ele está indo mal por conta própria”.

Confira a íntegra da entrevista aqui.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum