Governo Bolsonaro gastou R$ 100 mil em presentes para autoridades estrangeiras

Escultura de pássaro em pedras semipreciosas entregue ao presidente da Índia custou R$ 5,9 mil

O governo de Jair Bolsonaro, através do Itamaraty, gastou R$ 100 mil no último ano apenas em presentes para autoridades estrangeiras. As benesses foram adquiridas por dispensa de licitação, de setembro de 2019 a setembro de 2020. A informação é da coluna de Guilherme Amado, na revista Época.

Por meio de Lei de Acesso à Informação, a reportagem constatou que, entre os presentes escolhidos pelo governo, há obras em pedras semipreciosas, pedras nacionais, azulejos, gravuras e bebidas nacionais. A escultura de um pássaro em pedras semipreciosas entregue ao presidente da Índia custou R$ 5,9 mil.

Milhões em churrasco

Em meio às reclamações de falta de verbas para pagamento do 13º do Bolsa Família e compra de vacina contra o coronavírus, o governo deve destinar R$ 3,2 milhões para custear churrascos e jantares – com “cerveja puro malte” – em unidades do Exército em Pernambuco.

Segundo a coluna Radar, na revista Veja desta sexta-feira (23), o anúncio de contratação de empresa especializada na prestação de serviços de buffet foi feito pelo Colégio Militar do Recife.

As exigências prevêem cinco tipos de eventos que serão realizados nas unidades militares de Recife, Olinda e Garanhuns para até 10,7 mil pessoas.

Avatar de Luisa Fragão

Luisa Fragão

Jornalista.