Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
09 de dezembro de 2019, 16h37

Haddad recebe Medalha do Mérito Farroupilha na Assembleia gaúcha

Petista foi agraciado com a maior honraria do parlamento do Rio Grande do Sul por conta de seu trabalho realizado como ministro da Educação

Foto: Joaquim Moura/PTsul

Por Sul 21 

Ex-ministro da Educação e candidato do PT a presidente da República em 2018, Fernando Haddad foi homenageado nesta segunda-feira (9) com a Medalha do Mérito Farroupilha, a maior honraria concedida pelo parlamento gaúcho. A homenagem foi sugestão do deputado Luiz Fernando Mainardi (PT).

Na cerimônia, Mainardi afirmou que a distinção foi concedida pelo trabalho realizado por Haddad à frente do Ministério da Educação. “É importante dizer que tu não estás recebendo esta medalha porque és mestre, doutor, reconhecido economista ou advogado. Não estás recebendo por ter sido candidato a presidente ou mesmo poder ser novamente num futuro próximo. Estás recebendo porque o Rio Grande do Sul, gaúchos e gaúchas devem muito pelo seu trabalho. Foram mais de 20 mil novas vagas criadas no ensino superior público, fora a criação da Unipampa e da Universidade Federal da Fronteira Sul”, afirmou.

Haddad destacou a importância de ter trabalhado com o ex-presidente Lula e o ex-governador Tarso Genro pois eles “tiveram a grandeza de perceber que sem educação nós não teríamos chance e que, sobretudo as camadas mais humildes da população, os filhos que não têm a menor perspectiva de emancipação pela educação, pudessem contar com uma universidade pública, um instituto federal, uma escola de qualidade no seu território independente da riqueza da sua família e da escolaridade dos seus pais”.

Valdeci Oliveira, que representou a presidência da Assembleia Legislativa na atividade, lembrou do comprometimento do homenageado com a educação. “Haddad acabou com um velho tabu brasileiro, de que pobre não frequentava a universidade”.

Haddad tem 56 anos, é professor da USP e do Insper, em São Paulo. Doutor em filosofia, tem mestrado em economia e bacharelado em direito. Além de ministro da Educação nos governos dos presidentes Lula e Dilma, foi, também, prefeito da cidade de São Paulo.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum