Fórumcast #19
14 de agosto de 2019, 22h15

Huck rebate Bolsonaro: “Gente diz que não há fome no Brasil não está vendo”

Luciano Huck, que já falou diversas vezes que ainda pretende ser presidente do Brasil, participou de debate no Espírito Santo ao lado do ex-governador Paulo Hartung (ex-MDB) e do empresário Eduardo Mufarej, fundador do movimento RenovaBR

Luciano Huck (Divulgação)

O apresentador Luciano Huck, que já falou diversas vezes que ainda pretende ser presidente do Brasil, rebateu a declaração de Jair Bolsonaro de que não há fome no Brasil, dita por ele mais de uma vez. Huck esteve presente em debate no Espírito Santo nesta quarta-feira (14) ao lado do ex-governador Paulo Hartung (ex-MDB) e do empresário Eduardo Mufarej, fundador do movimento RenovaBR.

“Tem gente que diz que não se passa fome no Brasil. Não está vendo”, disse Huck, durante o debate “Futuro do Brasil”, realizado na cidade de Vila Velha (ES). No evento ele ainda elogiou Hartung e disse considerar ele como “mestre Miyagi”, em referência ao filme Karatê Kid.

Hartung foi apontado como possível candidato a vice-presidente na chapa que seria lançada por Luciano Huck nas eleições de 2018, impulsionado pelo RenovaBR, de Mufarej. Huck declinou da iniciativa no ano passado, mas é apontado como pré-candidato para 2022.

O Renova elegeu 17 parlamentares nas últimas eleições, incluindo a deputada Tábata Amaral (PDT-SP), que tem ganho grande relevância no cenário nacional por contrariar orientações do seu partido.

Veja também:  Lula sobre 'véio' da Havan: "Parece o Louro José. Qualquer dia a Ana Maria coloca ele em cima da mesa"

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum