Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
21 de julho de 2019, 17h34

Joice Hasselmann também diz ter tido celular clonado e pede cadeia para “hackers” da Vaza Jato

No mesmo dia em que o The Intercept Brasil divulga mais diálogos da série Vaza Jato, a deputada federal alega ter o celular invadido

Foto: Reprodução/ Twitter

Horas depois de nova reportagem da Vaza Jato publicada pelo The Intercept Brasil, a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) postou em seu perfil no Twitter um vídeo onde diz que seu celular foi clonado e que foram enviadas mensagens em seu nome para jornalistas, como Lauro Jardim, colunista do O Globo. “Assim como aconteceu com o celular do nosso ministro Sérgio Moro, o meu telefone foi clonado”, declarou.

“Há bandidos, farsantes, encaminhando mensagens em meu nome através do Telegram”, complementou. Hasselmann alega não usar o Telegram desde a campanha das eleições 2018 e conta que de madrugada recebeu uma ligação do jornalista mencionando as mensagens que teria recebido no aplicativo de mensagens. Ela mostra a tela de seu telefone no vídeo apontando para ligações que a deputada não saberia a procedência. Disse que já comunicou a Polícia, o ministro Sérgio Moro e o presidente Jair Bolsonaro. O jornalista Lauro Jardim ainda não se pronunciou sobre o caso.

Veja o vídeo:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum