Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
01 de março de 2019, 14h41

Morte de neto gera comoção e pedidos para Lula ir ao velório

A deputada federal Maria do Rosário (PT/RS) pediu "humanidade" ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Tofolli, para que conceda o pedido que está sendo feito pelos advogados de Lula

Lula, Marisa e o neto, Arthur

A morte inesperada de Arthur Araújo Lula da Silva, de 7 anos, neto do ex-presidente Lula, nesta sexta-feira (1º) gerou comoção nas redes sociais e pedidos de libertação de Lula para acompanhar o velório, que deve acontecer na tarde deste sábado (2).

Blog do Rovai: Jornalista de O Globo soube da morte de neto do Lula antes de familiares

A deputada federal Maria do Rosário (PT/RS) pediu “humanidade” ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Tofolli, para que conceda o pedido que está sendo feito pelos advogados de Lula.

“Ministro Toffoli – @STF_oficial, por humanidade. #LiberdadeParaLulaVerSeuNeto
A prisão ilegal e sem provas de @LulaOficial o impediu de conviver com as pessoas q ele está perdendo para sempre. Ñ há reparação possível para o que já fizeram a ele e sua família. Libertem!”, tuitou.

“Arthur, sua estrela seguirá brilhando em nossos corações! Força ao meu presidente @LulaOficial ! Lutaremos para que a Justiça tenha a piedade de libertá-lo para se despedir de seu netinho!#ForçaLula”, tuitou a deputada Erika Kokay (PT/DF).

A atriz Dira Paes compartilhou foto de Lula e Marisa com o neto. “#forçaLula e familiares”, escreveu.

Também atriz, Vera Holtz publicou uma frase do Papa Francisco. “”Quando você comemora a morte de alguém, o primeiro que morreu foi você mesmo”
– Papa Francisco. #forçaLula”.

“Minha solidariedade ao presidente Lula e sua família pela perda de seu neto Arthur. Nenhuma dor é comparável à perda de uma criança, meu abraço e meu carinho à toda a família. #ForçaLula”, tuitou a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB/AM).

Veja mais repercussões

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags