Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
26 de março de 2019, 20h11

MPF pede à Justiça Federal para tornar Temer réu no caso da mala com R$ 500 mil

Em 2017, o emedebista foi denunciado pela Procuradoria Geral da República (PGR), quando seu então assessor, Rocha Loures, foi flagrado recebendo uma mala com R$ 500 mil de um representante da J&F

Foto: J. Batista/Agência Câmara

Apesar de ter deixado a prisão nesta segunda-feira (25), a situação de Michel Temer pode piorar. O Ministério Público Federal (MPF), em Brasília, decidiu pedir à Justiça Federal, nesta terça-feira (26), para tornar o emedebista réu em uma ação penal.

Quando ainda estava cumprindo mandato, Temer foi denunciado, em 2017, pela Procuradoria Geral da República (PGR), no caso em que seu então assessor especial, Rodrigo Rocha Loures, foi flagrado pela Polícia Federal recebendo uma mala com R$ 500 mil de um representante da J&F.

De acordo com a denúncia, o dinheiro era propina da empresa para o grupo político de Temer.

Após a denúncia da PGR, a Câmara dos Deputados analisou o caso e rejeitou a continuidade do processo para o Supremo Tribunal Federal (STF).

Depois disso, a denúncia ficou parada na Justiça. Com a perda do foro privilegiado de Temer, o caso foi para a Justiça Federal de Brasília.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum