Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
26 de novembro de 2019, 11h57

“Não se constrói o futuro com experiências fracassadas do passado”, diz Toffoli sobre AI-5 de Guedes

Guedes defendeu a implementação de um novo AI-5 diante dos discursos do ex-presidente Lula em entrevista na noite desta segunda-feira (25) em Washington, nos EUA

Bolsonaro, Dias Toffoli e Paulo Guedes (Foto: Marcos Corrêa/PR)

Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Dias Toffoli rebateu as declarações do ministro da Economia, Paulo Guedes, que defendeu a implementação de um novo AI-5 diante dos discursos do ex-presidente Lula em entrevista na noite desta segunda-feira (25) em Washington, nos EUA.

“O AI-5 é incompatível com a democracia. Não se constrói o futuro com experiências fracassadas do passado”, disse Toffoli na manhã desta terça-feira (26) durante o Encontro Nacional do Poder Judiciário em Maceió (AL).

Na entrevista, Guedes disse, quando se pronunciou pela primeira vez sobre um novo AI-5 que estava falando em “off” – quando entrevistados pedem aos jornalistas para omitirem seu nome ou não publicarem a informação.

Com a cobertura feita em tempo real, os jornalistas afirmaram que a entrevista era em “on”, ou seja, que tudo dito ali seria publicado. Mais tarde, quando perguntado sobre a possibilidade de implementação de um novo AI-5, Guedes foi irônico.

“É inconcebível, a democracia brasileira jamais admitiria, mesmo que a esquerda pegue as armas, invada tudo, quebre e derrube à força o Palácio do Planalto, jamais apoiaria o AI-5, isso é inconcebível. Não aceitaria jamais isso. Está satisfeita?”, respondeu, gesticulando os braços e mostrando irritação com a pergunta.

Questionado se estava ironizando os jornalistas, o ministro lançou nova ironia. “Isso é uma ironia ministro, o senhor está nos ironizando? De forma alguma”.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum