Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
06 de abril de 2019, 18h49

Pesquisa Datafolha: 59% dos brasileiros não sabe quem é o vice de Bolsonaro

Mourão que se mostra sempre mais conciliador que Bolsonaro, fazendo constantes contrapontos ao presidente, causa irritação na ala ideológica do governo

General Mourão e capitão Bolsonaro (Divulgação/PR)
Pesquisa Datafolha realizada presencialmente nos dias 2 e 3 de abril, com 2.086 pessoas de 16 anos ou mais, em 130 municípios, indicou que 59% dos brasileiros não sabem dizer quem é o segundo na linha sucessória da Presidência.  Proporção é semelhante aos que desconheciam Michel Temer no início do governo Dilma Rousseff. A margem de erro máxima é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, dentro do nível de confiança de 95%.

Dentre as pessoas que foram ouvidas, 37% acertaram o nome do general Hamilton Mourão (PRTB) e 4% erraram. Mourão assumiu a Presidência em cinco oportunidades, quatro durante viagens do titular e uma quando Bolsonaro foi operado. O levantamento foi divulgado neste sábado (6).

Mourão que se mostra sempre mais conciliador que Bolsonaro, fazendo constantes contrapontos ao presidente, causa irritação na ala ideológica do governo.

Neste sábado o vice cumpriu agenda em Boston EUA, e compareceu a um encontro com representantes da comunidade brasileira na cidade. A iniciativa foi interpretada como uma resposta a Bolsonaro, que, três semanas antes, criticara os imigrantes. O presidente, durante sua viagem aos EUA, declarou à Fox News que “a grande maioria dos imigrantes em potencial não tem boas intenções nem quer fazer o bem ao povo americano”. Depois ele se desculpou.

Já no cargo, o vice já disse, por exemplo, que o aborto deveria ser uma escolha da mulher e que a ida, afinal não realizada, do ex-presidente Lula (PT) ao velório do irmão era uma “questão humanitária”.

General Mourão causa irritação na ala ideológica do governo. Vocalizados sobretudo pelo polemista Olavo de Carvalho, os ataques ao vice aumentam sempre que o vice se mostra mais conciliador que Bolsonaro.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum