Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
24 de julho de 2018, 08h57

Pimenta desafia Dallagnol a falar da corrupção no judiciário

Pimenta perguntou o que o procurador acha de casos como a venda de sentenças, a negociação de delações de Marcelo Muller e os salários acima do teto constitucional

(Foto: Gustavo Lima/Agência Câmara)

O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) desafiou, nesta terça-feira (24), por sua conta do Twitter, o procurador da Lava Jato, Deltan Dallagnol, a falar sobre os casos de corrupção que envolvem o Poder Judiciário.

No primeiro tuite, Pimenta lembrou vários casos, entre eles o dos juízes que venderam sentença para traficantes e foram aposentados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e também os promotores aposentados pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), além do episódio do procurador Marcelo Muller, acusado de negociar delações com os irmãos Batista:

“O que você acha de juízes que foram pegos vendendo sentença para traficantes e foram aposentados pelo CNJ? E promotores envolvidos em crimes também aposentados no CNMP? E o Marcelo Muller, o procurador que vendia delações era o único caso ou vocês sabem de outros?”

Já no tuite seguinte, Pimenta perguntou sobre os ‘penduricalhos’ recebidos por membros do judiciário e também sobre os juízes que recebem salários acima do teto:

 

“O que você acha do projeto Lava Toga, que define como crime de improbidade receber ou pagar salários acima do teto previsto na Constituição? Que acaba com essa corrupção disfarçada e institucionalizada de valores milionários em penduricalhos imorais? Nunca vi você falar sobre isso”


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum