Fórumcast, o podcast da Fórum
09 de agosto de 2019, 09h36

Popularidade de Moro cai, mas ainda é maior que a de Bolsonaro, segundo pesquisas de partidos

Tanto em conversas no Congresso quanto no Supremo Tribunal Federal (STF), os relatos indicam que Bolsonaro não vê Moro como alguém disposto a segurar rojões que não sejam do próprio interesse

Moro e Bolsonaro em live (Foto: Carolina Antunes/PR)

De acordo com informações do Painel, da Folha, o ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, teve a sua popularidade abalada conforme indicam pesquisas internas de partidos. Ele não ostenta a aprovação de outrora —perdeu pontos na casa das dezenas—, mas “mesmo fraco é forte, maior do que Jair Bolsonaro”.

A coluna informa que partidos de centro e centro-direita fizeram levantamentos municipais e nacionais nos últimos dias. A popularidade de Moro foi testada na segunda categoria.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Apesar de aliados reconhecerem que Moro está sob fogo cerrado, eles dizem que seu trabalho na segurança pública, os índices que tem apresentado, lhe dão sustentação no cargo para além da espuma política.

São vastos os relatos da crescente desconfiança entre Bolsonaro e seu auxiliar. No Planalto, prolifera a versão de que o ministro, para se eximir da posição de subscritor de propostas polêmicas, municia a imprensa com informações que o distanciem de casos como o dos decretos que facilitaram porte e posse de armas.

Tanto em conversas no Congresso quanto no Supremo Tribunal Federal (STF), os relatos indicam que o presidente não vê o auxiliar como alguém disposto a segurar rojões que não sejam do próprio interesse.

 

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum

#tags