Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
24 de janeiro de 2020, 19h49

Presidente da Petrobras se queixa com empresa por apagões em sua casa de campo

Indicado por Paulo Guedes, Roberto Castello Branco enviou e-mail ao CEO da Enel, empesa italiana que atua na geração e distribuição de energia elétrica

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco - Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Roberto Castello Branco, presidente da Petrobras indicado pelo ministro da Economia Paulo Guedes, encaminhou um e-mail para Nicola Cotugno, executivo da Enel, empresa italiana, que atua na geração e distribuição de energia elétrica.

O motivo: reclamação pelos frequentes apagões em sua casa de campo, localizada em Petrópolis (RJ), de acordo com reportagem de Letícia Alves, no Poder 360.

O texto vazou e foi confirmado pela assessoria de imprensa da estatal.

No e-mail, Castello Branco se queixa que a frequência dos apagões está aumentando.

A assessoria de imprensa da Petrobras afirmou que o executivo italiano não respondeu à mensagem. No entanto, um funcionário da manutenção da Enel foi à casa de Castello Branco tentar resolver o problema.

Leia a íntegra do e-mail:

“Caro senhor Nicola,

Eu sou Roberto, CEO da Petrobras.

Como os executivos de grandes empresas, preciso relaxar para aliviar o estresse criado por nossas responsabilidades.

Quando não estou viajando para o exterior, costumava ir à nossa bela casa em Nogueira, Petrópolis, nos fins de semana e feriados.

Infelizmente, como cliente da Enel, não tenho nada a lhe dizer.

Desde que sua empresa assumiu a concessão, vimos a qualidade do serviço se deteriorar gradualmente, atingindo agora um status totalmente inaceitável.

Sinto muito, mas está quase alcançando os padrões muito baixos do antigo consumidor detestado pelo CERJ, que, felizmente, agora está extinto.

A frequência de apagões está em uma tendência ascendente, bem como o tempo necessário para reparar.

Conversando com amigos do setor privado e do governo brasileiro, a opinião geral é de que a Enel está oferecendo um serviço ruim aos consumidores em suas concessões em todo o país.

Existe até alguma raiva contra a Enel.

Como executivo de negócios, meu conselho é que você reaja a essa imagem ruim e ofereça um choque de qualidade.

O cliente é rei, faça com que seus subordinados acreditem nessa verdade amplamente aceita.

Sua equipe está jogando a imagem da Enel em uma lata de lixo. Receio que seu conceito de gerente de topo também seja arrastado para a lata de lixo.

Nós brasileiros amamos a Itália, mas a Enel está trabalhando contra a boa imagem do seu país bonito e histórico.

Caro senhor Nicola, por favor, REAJA. Faça o possível para virar o jogo em que sua empresa está perdendo.

Aproveite o próximo ano novo para REAGIR, é sua hora de brilhar.

Atenciosamente,

Roberto Castello Branco”


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum