Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
14 de julho de 2019, 22h06

Presidente do PDT responde críticas de Tabata e diz que ela defende uma “democracia da conveniência”

"Se ela acha que a esmagadora decisão de uma convenção nacional de mais de 500 membros, em que ela estava presente, não é democrática, quero saber o que ela acha que é. É ouvir o Jorge Paulo Lemann?", criticou Carlos Lupi

O presidente do PDT, Carlos Luppi (Foto: Divulgação/PDT)

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, rebateu neste domingo (14) que a deputada federal Tabata Amaral (PDT-SP) e disse que ela defende uma “democracia da conveniência”. “Acha bom quando o partido decide como ela quer e ruim quando decide como ela não quer”, destacou Lupi.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

O posicionamento veio depois do artigo de Tabata publicado na Folha de S.Paulo, no qual ela criticava a falta de flexibilidade da “extrema esquerda”, que estaria “enclausurada em suas amarras”. A deputada tem sido criticada por partidos de esquerda e por sua própria legenda por ter votado a favor da reforma da Previdência.

“Se ela acha que a esmagadora decisão de uma convenção nacional de mais de 500 membros, em que ela estava presente, não é democrática, quero saber o que ela acha que é [democrático]. É ouvir o Jorge Paulo Lemann?”, criticou Lupi, lembrando que o bilionário é o responsável pela fundação que apoiou a jovem parlamentar.

Tabata disse que estava sendo vítima de perseguição política, o que Lupi nega. “Eu quero te perguntar onde tem alguma palavra da direção do PDT ofendendo a honra dela. Você pode procurar e não vai achar. Nós restringimos e criticamos o comportamento dela, não a honra”, ressaltou o dirigente.

Na avaliação dele, o artigo de Tabata “é natural em alguém que queira justificar os seus erros”. “Foi um partido que a recebeu de portas abertas. Incentivamos, apoiamos, era um nome que a gente cogitava para ser prefeita de São Paulo”, finalizou.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum