Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
06 de outubro de 2019, 21h02

PT denuncia armação de Bolsonaro e Moro com Record para espalhar fake news

"Jair Bolsonaro e Sergio Moro estão juntos em mais uma armação contra o PT para desviar o foco de suas notórias ligações com milicianos e outros agentes do crime que este governo protege", diz a nota, divulgada na noite deste domingo

Bolsonaro e Sergio Moro (Foto: José Cruz/Agência Brasil)
O Partido dos Trabalhadores denunciaram, por meio de nota oficial, o que chamam de a mais nova armação do presidente Jair Bolsonaro e seu ministro da Justiça, Sergio Moro, contra o partido. Bolsonaro divulgou em suas redes sociais este domingo (6) o trecho de uma matéria da Record acusando o PCC de pagar advogados do PT para derrubar uma portaria de Moro.
“Jair Bolsonaro e Sergio Moro estão juntos em mais uma armação contra o PT para desviar o foco de suas notórias ligações com milicianos e outros agentes do crime que este governo protege”, diz a nota, divulgada na noite deste domingo.
“Em abril deste ano, o PT ajuizou no Supremo Tribunal Federal a Ação de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 579, contra a Portaria 157 do Ministério da Justiça, para defender a Constituição e as normas nacionais e internacionais que tutelam o direito de familiares de detentos, incluindo crianças que não podem ser atingidas pela pena aplicada aos presos. Tanto a Constituição quanto os direitos foram atingidos por esta e por outras portarias de Sergio Moro, que foram inclusive objeto de questionamentos judiciais pela Defensoria Pública da União”, continuou.
O partido então coloca que não há nenhuma relação de advogados que atuam no caso com organizações criminosas. “Cabe às autoridades investigar com seriedade qualquer suspeita neste sentido, sem permitir nem promover vazamentos parciais, irresponsáveis e seletivos que ponham em risco a reputação de terceiros”, disse.
A presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffmann, escreveu nas redes sociais que o caso é mais uma tentativa do governo de espalhar mentiras. “Quem tem ligação com milícia e crime organizado é Bolsonaro. Cadê o Queiróz? Quem mandou matar Marielle e Anderson?”, escreveu.

Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum