O que o brasileiro pensa?
19 de junho de 2020, 07h15

Queiroz pagou mensalidade de escola de filhas de Flávio Bolsonaro, afirmam promotores

Investigadores detectaram 116 boletos bancários de despesas pessoais do filho do presidente pagos com dinheiro em espécie

Reprodução

O Ministério Público Rio de Janeiro afirma que o policial aposentado Fabrício Queiroz, motorista de Flávio Bolsonaro quando este era deputado na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), quitou despesas pessoais do filho do presidente e de sua família. A informação é de Fausto Macedo no Estado de S.Paulo.

Os investigadores detectaram ao menos 116 boletos bancários que podem ter sido quitados por Queiroz referentes ao plano de saúde e mensalidades escolares das filhas de Flávio e da esposa, Fernanda Bolsonaro.

Os pagamentos foram feitos com dinheiro em espécie “não proveniente” das contas do casal, o que totaliza R$162 mil. Para chegar a essa informação, promotores cruzaram horário, data, valores e movimentações bancárias feitas por Queiroz em caixas eletrônicos.

Fabrício Queiroz foi preso na manhã desta quinta-feira (18) pela Polícia Civil em uma chácara em Atibaia, no interior de São Paulo. O imóvel pertence a Frederick Wassef, que é advogado do senador e do presidente Jair Bolsonaro no caso Adélio Bispo.

O ex-assessor foi preso a mando do MP-RJ no inquérito relacionado ao esquema de “rachadinha” que operava no gabinete de Flávio Bolsonaro na Alerj.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum