Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
13 de março de 2019, 15h43

“Respeito à memória”, cobra Dani Monteiro de deputado que pendurou pedaço da placa de Marielle

“Solicitamos que, em respeito à dor da família e à memória de nossa companheira, o fragmento seja devolvido”, disse a deputada do PSOL a Rodrigo Amorim (PSL)

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

A deputada estadual e vice-presidenta da Comissão da Mulher da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), Dani Monteiro (PSOL-RJ), condenou o ato de Rodrigo Amorim, deputado estadual (PSL-RJ). Ele, além de ter quebrado a placa que homenageava Marielle Franco, em outubro de 2018, pendurou um pedaço na parede de seu gabinete.

“Não concordo com sua avaliação de ‘restauração de ordem pública’. Tem uma coisa que é o respeito à memória e à dor que a família sente. Vou fazer uma sugestão: vou pedir encarecidamente que hoje, o pedaço da placa que se encontra na parede do seu gabinete seja devolvido à sede do partido”, disse, durante pronunciamento na Alerj.

Pelo Twitter, Dani mostrou sua indignação e confirmou sua solicitação: “Rodrigo Amorim quebrou a placa de Marielle durante a campanha e emoldurou um dos fragmentos. Hoje, afirmou numa sessão da CCT que o fez para ‘restaurar a ordem pública’. Solicitamos que, em respeito à dor da família e à memória de nossa companheira, o fragmento seja devolvido”.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum