Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
23 de março de 2019, 20h07

Sérgio Moro “não conhece nada de segurança”, diz governador do DF

As críticas de Ibaneis Rocha foram motivadas pela medida do ministro da Justiça, que decidiu transferir o chefe do PCC, Marcola, para Brasília

Foto: Agência Brasil

Ibaneis Rocha (MDB), governador do Distrito Federal, não gostou da decisão do ministro da Justiça, Sérgio Moro, de transferir para um presídio de segurança máxima de Brasília, o chefe do PCC, Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola.

O governador declarou que é uma decisão absurda e anunciou que vai procurar Jair Bolsonaro para que o criminoso seja levado para fora de Brasília. “Já pedi à procuradoria para preparar uma ação judicial, com base na lei de segurança nacional. Essa atitude do ministro Moro demonstra que ele não conhece nada de segurança, realmente”, afirmou.

“Você não pode trazer um criminoso desse quilate, um criminoso que arrasta com ele todo crime organizado. E olha que nós estamos fazendo nossa parte. Vocês viram ontem pela manhã. Nós prendemos sete integrantes do PCC aqui no Distrito Federal”, acrescentou Ibaneis.

“Nossa Polícia Civil está trabalhando forte. Agora, trazer um criminoso como esse pra cá, a seis quilômetros do Palácio do Planalto? Nós temos mais de 180 embaixadas de representações internacionais. Nós temos os principais tribunais da República, grandes autoridades circulam por aqui. Como é que você traz isso para dentro da capital da República? Isso é o maior absurdo do ponto de vista da segurança que já ouvi falar na minha vida”, ressaltou.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum