#palmeirenses

21 de setembro de 2018, 19h02

Depois de corintianos e santistas, palmeirenses divulgam manifesto contra o fascismo

Sem citar nomes, torcedores palmeirenses e coletivos ligados ao clube divulgaram um texto em que manifestam seu repúdio "às posturas e declarações preconceituosas, antidemocráticas e fascistas"; atitude acontece depois do episódio em que o jogador Felipe Melo dedicou um gol ao presidenciável Jair Bolsonaro (PSL)