O que o brasileiro pensa?
15 de janeiro de 2020, 19h02

Funai solta comunicado em que diz não ter relação com encontro liderado por Raoni

"Em nada está alinhado à política institucional desta fundação", disse a instituição sobre encontro que debateu as crescentes ameaças aos indígenas no governo de Jair Bolsonaro

Foto: Mário Vilela/Funai/Divulgação

O perfil oficial da Fundação Nacional do Índio (Funai) informou nesta quarta (15), via redes sociais, que o evento organizado pelo Cacique Raoni é “um evento totalmente privado e em nada está alinhado à política desta fundação”.

O Encontro dos Povos Mebengokrê começou nesta terça (14), reunindo cerca de 450 lideranças indígenas . O evento acontece na Terra Indígena Capoto Jarina, às margens do rio Xingu, no Mato Grosso, e vai até sexta-feira (17).

Nota: Encontro dos Povos Indígenas no Xingu

Cabe à Funai esclarecer que o encontro de indígenas realizado no estado de Mato Grosso é um evento totalmente privado e em nada está alinhado à política institucional desta fundação.

— Funai (@funaioficial) January 15, 2020

 

O tema do debate será as crescentes ameaças e ataques aos indígenas e suas terras no primeiro ano de governo de Jair Bolsonaro, além da demarcação de terras, mega empreendimentos que afetam territórios e desmonte das políticas indigenistas.

“Nos últimos 12 meses, o mundo vem acompanhando a crescente onda de ameaça aos povos tradicionais brasileiros. Nesta oportunidade, indígenas de diferentes gerações pretendem elaborar um plano de ação em conjunto para enfrentar o problema”, diz a organização do encontro.

Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum