Fórum Educação
07 de abril de 2020, 13h55

Rússia acusa Estados Unidos de tentarem “privatizar o espaço sideral”

Objeção tem a ver com decreto de Donald Trump para que seu país comece a extrair recursos da Lua e de outros corpos espaciais, o que um porta-voz do Kremlin disse que é “inaceitável”

Imagem ilustrativa (fonte: NASA)

“Qualquer tentativa de privatizar o espaço sideral é inaceitável”. Foi o que disse nesta terça-feira (7) Dmitri Peskov, porta-voz presidencial da Rússia.

A declaração se refere a um decreto assinado na véspera pelo presidente estadunidense Donald Trump que contempla a exploração comercial dos recursos naturais da Lua e de outros corpos espaciais.

Segundo Peskov, “ainda não é possível fazer uma avaliação sobre a legalidade (do decreto de Trump), mas a exploração do espaço para fins de lucro é algo que repudiamos desde já”.

O porta-voz também criticou o fato de que o documento assinado pelo presidente estadunidense considera que o espaço sideral “não é um bem comum global”.

O texto do decreto de Trump diz, especificamente, que “os estadunidenses devem ter o direito de participar da exploração comercial, extração e uso de recursos no espaço sideral, de acordo com a lei aplicável. O espaço sideral é um domínio legal e fisicamente exclusivo da atividade humana, e os Estados Unidos não veem isso como um bem comum global”.

Por sua parte, o cientista Sergey Saveliev, vice-diretor geral de cooperação internacional da agência Roscosmos (a NASA russa), classificou os planos dos Estados Unidos como “agressivos e contraproducentes, porque prejudicam a cooperação internacional”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum