Após renúncia do presidente do BB, mais um nome ligado a Guedes abandona governo Bolsonaro

Caio Megale é o terceiro integrante da equipe do ministro a deixar o governo em julho

O diretor da Secretaria Especial de Fazenda do Ministério da Economia, Caio Megale, comunicou neste domingo (26) ao ministro da Economia, Paulo Guedes que deixará o comando da secretaria no dia 31 de julho. Com Megale, Guedes acumula três baixas apenas neste mês.

Segundo o Poder 360, Megale pretende voltar para a iniciativa privada e para São Paulo, ondem mora a família. Ele trabalhou no Itaú por 6 anos antes de embarcar no governo Bolsonaro.

No ministério de Guedes desde o início do mandato do ex-capitão, o economista passou por diferentes postos: secretaria de Desenvolvimento da Indústria Comércio, Serviços e Inovação; assessoria especial do ministro e diretor de programas na Secretaria Especial de Fazenda.

Na sexta-feira, o presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, anunciou que vai deixar o comando da estatal em agosto. Em entrevista à jornalista Raquel Ladim, da CNN Brasil, o executivo afirmou que “não se adaptou à cultura de privilégio, corrupção e compadrio de Brasília”.

Em 15 de julho, o então secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, abriu a leva de renúncias no ministério. Para o posto, foi designado Bruno Funchal.

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR