Atos contra Bolsonaro levam 750 mil brasileiros às ruas em 427 cidades

Maior ato, em São Paulo, ocupou ao menos nove quarteirões da Avenida Paulista. Pelo Twitter, Bolsonaro debochou dos protestos com vídeo que mostra pequeno número de manifestantes sob a chuva supostamente em Paranaguá, litoral paranaense

A Frente Brasil Popular e a Central de Movimentos Populares (CMP) afirmaram que mais de 750 mil brasileiros foram às ruas neste sábado (19) em 427 atos em defesa da vida, da vacina, do auxílio emergencial de R$ 600 e para pedir o impeachment de Jair Bolsonaro (Sem partido).

“Mais de 500 mil vidas que perdemos para a pandemia e para esse governo genocida, quantas mais perderemos até tirar Jair Bolsonaro do governo? Hoje ocupamos novamente as ruas de todo o país, os atos do #19JForaBolsonaro reuniram mais de 750 mil pessoas em 427 atos realizados no Brasil e em 17 países no exterior”, divulgou a Frente Brasil Popular pelo seu perfil no Instagram.

No maior ato, em São Paulo, os manifestantes tomaram às ruas entre ao menos 9 quarteirões da Avenida Paulista.

“O povo brasileiro não deve ter apenas uma opção de morrer: de Covid-19, de fome e do desemprego. E, por isso, nós estamos na Paulista […] Nós estamos nas ruas, para oferecer sonhos, para pedir melhores condições de vida para as pessoas”, afirmou Raimundo Bonfim, coordenador da CMP no ato.

Além da população em geral, sindicalistas, movimentos sociais, estudantes e torcidas de futebol, lideranças políticas como Fernando Haddad (PT), Guilherme Boulos (PSOL) e Orlando Silva (PCdoB) marcaram presença.

Deboche
Pelas redes sociais, Jair Bolsonaro debochou dos atos com um vídeo que mostra um pequeno número de manifestantes sob a chuva supostamente em Paranaguá, litoral paranaense.

“Manifestação contra Bolsonaro fecha rua e paralisa o centro de Paranaguá/PR”, tuitou o presidente.

Notícias relacionadas

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR