Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
14 de fevereiro de 2020, 08h40

Desmonte: Guedes quer cortar 70% de subsídio para Minha Casa Minha Vida

A proposta do ministro prevê a redução para R$ 3 bilhões o volume de descontos através do FGTS no programa social

Foto: Agência Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, planeja reduzir em quase 70% o subsídio do FGTS no financiamento para famílias incluídas no Minha Casa Minha Vida. A proposta apresentada pela pasta prevê a redução de R$ 9 bilhões para R$ 3 bilhões o volume de descontos através do FGTS no programa social.

Os subsídios do FGTS são uma importante ajuda às famílias que têm renda entre R$ 2.600 e R$ 4 mil. O valor do desconto é variável, pois depende da renda, mas pode chegar até R$ 47,5 mil do total do financiamento.

Segundo fontes entrevistadas pelo jornal O Globo, se a proposta for aprovada pelo conselho, sobraria apenas R$ 1 bilhão para o subsídio das famílias, pois outros R$ 2 bilhões seriam usados para os gastos da Caixa Econômica Federal, que é o agente financeiro do FGTS.

Em dezembro do ano passado, a ex-presidenta da Caixa Econômica Federal e ex-ministra do Planejamento, Miriam Belchior, denunciou que o governo de Jair Bolsonaro caminha a passos largos para extinguir o Minha Casa Minha Vida.

“Enquanto a média de contratação dos governos do PT nessa faixa foi de 247 mil unidades por ano, durante o governo Temer foram 66 mil unidades por ano e no atual governo nenhuma, isso mesmo, nenhuma unidade foi contratada, nem mesmo os projetos dos movimentos de habitação selecionados em 2018”, apontou a ex-ministra.

O orçamento do programa habitacional para 2020 foi o menor da história. Para este ano, foram previstos somente R$ 2,7 bilhões ante os 4,6 bilhões de 2019.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum