O que o brasileiro pensa?
18 de junho de 2020, 14h01

Foragida, esposa de Queiroz recebe auxílio emergencial de R$ 600

A enteada do ex-assessor, Evelyn de Aguiar, investigada no esquema de rachadinhas, também possui cadastro no programa

Márcia Aguiar e Fabrício Queiroz (Reprodução)

A esposa de Fabrício Queiroz, Márcia Oliveira de Aguiar, investigada pela Justiça do Rio de Janeiro, está recebendo o auxílio emergencial de R$ 600 mensais criado para ajudar famílias de baixa renda durante a pandemia do coronavírus. A informação é do Congresso em Foco.

A mulher, que recebia um salário bruto de R$ 9.835,63 como assessora de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), teve seu cadastro no auxílio deferido e o primeiro pagamento depositado em uma conta aberta em seu nome.

A enteada de Fabricio Queiroz, Evelyn Mayara de Aguiar Gerbatim, chegou a se cadastrar no programa, mas ainda não recebeu nenhuma parcela do benefício, ainda segundo o Congresso em Foco.

O juiz Flávio Itabaiana Nicolau, da 27ª Vara Criminal do TJ do Rio, autorizou nesta quinta-feira (18) a prisão de Márcia. Ela também é investigada pelo Ministério Público por suspeita de corrupção no gabinete do filho do presidente.

No entanto, de acordo com Guilherme Amado, na Época, Márcia não foi localizada pelos policiais e é considerada foragida da Justiça.

Queiroz foi preso nesta manhã pela Polícia Civil em uma chácara em Atibaia, no interior de São Paulo. O imóvel pertence a Frederick Wassef, advogado do filho do presidente.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum